Poesias Preferidas

Seleção de Poesias

Sobre o Sol e a Lua – Soneto I – Alexander Herzog


Toda tarde, um caminha rumo ao outro
A estrela de dia brilha e se retira
Dando imagem, no céu, à lua e lira
No canto, o firmamento, marca encontro

O sol, este inda brilha e cede à noite
O dom de luz prateada [aos olhos diante]
Para que ela desfile ao seu amante
Dando à lua, o sol, tom que esta se afoite

E vê o sol a sua musa passar…
Segurando os seus ventos, o seu brilho
Consumindo-se em si, por todo o ar

Mas ante o universo, pelo amar,
Nos versos de amor que hão de construí-los
Viverão sua paixão sem se tocar…

Alexander Herzog

Anúncios

1 comentário

    Trackbacks

    1. LADO POÉTICO | ESPAÇO CHUVA DE PRATA

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    w

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: