Poesias Preferidas

Seleção de Poesias

Quando Chove – Frederico Barbosa

Chuva em São Paulo

(Chuva em São Paulo – Foto de Fernanda Carvalho)

Em São Paulo, quando
chove,
chovem carros.

Tudo para:
pontes, viadutos, Marginais.

E a água retoma
seu curso original:
Anhangabaú, Sumaré, Pacaembu.

Ruas onde eram rios,
ex-rios, caminhos de rato, canais.
Rios sobre ruas,
Avenida do Estado, Via Dutra, Radial.

Em São Paulo, quando
chove,
chovem apocalipses
de quintal.

Frederico Barbosa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: