Poesias Preferidas

Seleção de Poesias

Velhas Cartas de Amor – Héctor Pedro Blomberg

Johannes Vermeer lady writing a letter with her maid

(pintura de Johannes Vermeer, 1670)

Ah, queimá-las não pude… É que elas – quem diria?
– guardam murchas assim, tua morta paixão,
– a febre de uma noite, as lágrimas de um dia –
como o eco já sem voz de uma última canção.

Tuas cartas! – num tempo a que eu retornaria –
fizeram palpitar de amor meu coração…
Depois, veio o silêncio, a distância, a agonia,
e o bálsamo do tempo – a cruel consolação!

Vivem nelas ainda um romance apagado,
a luz da mocidade, o fogo de um passado,
a glória de uma vida aos vinte anos em flor…

Ontem, contava-as, sim – com um gesto indiferente…
Mas, sobre elas caiu uma lágrima ardente…
… E não pude queimar tuas cartas de amor…

Héctor Pedro Blomberg
Tradução de J. G. de Araújo Jorge
in “Os Mais Belos Sonetos Que O Amor Inspirou”

Poema original, em espanhol: Viejas Cartas Del Amor

No he podido quemarlas… Me hablaban todavía
Sus páginas marchitas, de tu muerta pasión,
El sueño de una noche, las lágrimas de un día,
Y el eco moribundo de la última canción.

¡Tus cartas! En el tiempo que nunca volvería
Hicieron, todas ellas, temblar mi corazón…
Después vino el silencio, la ausencia, la agonía,
Y el tiempo trajo el bálsamo de la consolación.

Dormía en ellas nuestro romance ya olvidado,
La luz de los veinte años, el fuego del pasado,
La gloria de la vida, la juventud en flor…

Anoche las contaba con mano indiferente;
Sobre una de ellas, la última, cayó mi llanto ardiente…
Y no pude quemarlas, las cartas de tu amor.

Héctor Pedro Blomberg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: