Poesias Preferidas

Seleção de Poesias

O Bicho Homem – Orígenes Lessa

Nunca vi bicho mais feroz do que o homem, animal que vive armado.
Alguém já viu um cachorro de faca, de metralhadora ou de bomba?
dog-sunset
O cão, quando luta, sempre em legítima defesa, ou na defesa de seus amigos humanos, é na garra, é no dente. O homem, pouco confiado nos seus braços e dentes (a maior parte usa dentadura), inventou os meios mais terríveis de destruição. Nem gosto de falar.
Tive um amiguinho japonês (cachorro, bem entendido) que contava de duas cidades de seu país completamente destruídas por uma tal de bomba atômica. Trabalho de americano… Gente que dizem gostar muito de cachorro… Morreu gente e cachorro, naquelas explosões, de dar pena.
Os homens se destroem de maneira espantosa e às vezes curiosa. Quando um mata um, é preso. Fazem discursos, falam muito, o assassino, conforme o caso, é condenado. Quando mata uma porção, ganha medalha. Torna-se herói. São as tais de guerras, que duram tempos sem fim. Sempre na base de instrumentos poderosos de destruição.
Nós raramente temos guerras, mas é sempre na base leal do corpo a corpo, do dente a dente. É muito mais nobre.

Orígenes Lessa
“Confissões de um Vira-Lata”

Anúncios

1 comentário

  1. ,Éder Fávaro

    A gente aprende muito com eles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: