Poesias Preferidas

Seleção de Poesias

Por que escrevo? – Ida Della Monica

(Pintura de Roberto Weigand)

Não sei porque escrevo
Apenas escrevo
Não sou fazedora de poesia
Não sigo regras da gramática
Ou da ortografia
Versos? Rimas? Contagem de sílabas?
Estrófes e etecetera e tal?
Não sei…
Apenas escrevo

Pensamentos surgem
Numa explosão de alma
Súbita
Breve
E escrevo

Penso na linguagem da Pátria amada
Já nem tanto amada
Nos filhos deste Brasil
Pobres espíritos perdidos
Submissos à execrável oratória do poder
Penso nas escolas educativas
Já nem tanto educativas
Nas gentes esfomeadas
De tudo!
De direcionamentos, questionamentos
Carinho, atenção
Fome de Amor

Ah, mas existe o assistencialismo
O Bolsa-família tudo soluciona
Enche a barriga
E impõe sua eterna dependência

Os raios fúlgidos do Sol da Liberdade
Escureceram
Na ingenuidade do povo
Na avareza dos governantes
Na alienação, desistência e morte
dos idealistas do passado
E um pouco de mim morre também…

Por que escrevo?
Sei lá por que escrevo
Apenas escrevo…
Preciso de mais letrinhas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: